Tag: informe

  Os resultados da PNADCT para o Distrito Federal mostram que a taxa de desocupação recuou para 12,1% no 4º trimestre de 2018, ante 12,6% no trimestre anterior. Trata-se do menor valor desde o terceiro trimestre de 2016. A magnitude do recuo (0,5 p.p) foi a mesma observada na série com ajuste sazonal. Na comparação com o 4º trimestre de 2017 a redução alcançou 1,1 p.p. Adicionalmente, cabe observar o avanço no total de trabalhadores ocupados: 13 mil a mais que o registrado no terceiro trimestre de 2018 e 86 a mais em relação ao quarto trimestre de 2017. Todavia, […]

Leia mais

  Em janeiro de 2019, a Pesquisa de Emprego e Desemprego-PED/DF registrou estabilidade da taxa de desemprego em 18,3%. Quando ajustada sazonalmente, a taxa de desemprego ficou em 18,7% da população economicamente ativa, 0,3 p.p abaixo da verificada no mês anterior. Em grande medida, o resultado de janeiro reflete o ingresso de 13 mil inativos à força de trabalho. Somado ao crescimento habitual da população em idade ativa, fez com que o número de novas ocupações – 16 mil – fosse insuficiente para absorver toda a oferta de trabalho. Assim, houve avanço de 2 mil indivíduos desempregados. Cabe destacar, todavia, […]

Leia mais

  Com o resultado de dezembro, o comércio ampliado encerrou 2018 com retração de 2,7% – a terceira maior da série histórica iniciada em 2005. Vale lembrar que em 2017 o setor apresentou avanço de 3,7% após fortes quedas em 2015 e 2016. Dentre as categorias analisadas, praticamente todas apresentaram retração. As únicas exceções foram os segmentos Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (4,7%), Outros artigos de uso pessoal e doméstico (9,7%) e Material de construção (1,9%). Adicionalmente, é importante notar que o segmento de Veículos, motocicletas, partes e peças vem apresentando quedas sucessivas desde fevereiro de 2018. […]

Leia mais

Variação no mês e no trimestre Em dezembro, o volume de vendas dos serviços avançou 1,9% quando comparado a novembro, descontados os efeitos sazonais. Na comparação com o mesmo mês do ano anterior, o setor apresentou avanço de 6,0% – segundo mês consecutivo de crescimento nesta base de comparação. Após o bom desempenho de dezembro, o indicador voltou ao terreno positivo no acumulado dos últimos três meses, saindo de retração de 0,9% para expansão de 1,8%. Desempenho em 2018 Com o bom desempenho em dezembro, o setor de serviços encerrou 2018 com avanço de 1,3%. O valor é o maior […]

Leia mais

Após apresentar avanço no segundo trimestre, o mercado de trabalho voltou a perder fôlego no terceiro trimestre.  Mais especificamente, houve incremento no tamanho da força de trabalho na ordem de 29 mil novos indivíduos. Destes, cerca de 17 mil foram incluídos em algum tipo de ocupação, ao passo que outros 10 mil ficaram desocupados. Por conta disto, a taxa de desocupação avançou 0,4 p.p, passando de 12,2% para 12,6%. Mesmo quando descontados os fatores sazonais, permanece a elevação.     No que diz respeito à composição do mercado de trabalho, o terceiro trimestre registrou redução no número de indivíduos no […]

Leia mais

Em novembro de 2018, a Pesquisa de Emprego e Desemprego-PED/DF apontou elevação ínfima da taxa de desemprego para 18,5% frente a 18,4% registrado em outubro. Foi responsável pelo resultado a redução da população inativa em três mil.  Vale ressaltar que na série com ajuste sazonal a taxa de desemprego também apresentou leve alta, ao passar de 18,9% em outubro para 19,0% em novembro. A População em Idade Ativa (PIA) registrou crescimento absoluto de cinco mil pessoas e a População Inativa diminuiu três mil. Esta combinação pressionou a alta da taxa de desemprego, uma vez que houve também aumento no número […]

Leia mais

Em outubro, o volume de vendas do comércio ampliado mostrou queda de 3,9% quando comparado a outubro de 2017. O resultado refletiu o desempenho ruim de grande parte dos segmentos considerados. Neste cenário, destacam-se segmentos importantes como Móveis e eletrodomésticos (-12,2%) e Hipermercados e supermercados (-6,5%). Por outro lado, os segmentos de Veículos, motocicletas, partes e peças e Material de construção apresentaram crescimento de 0,1 e 0,9%, respectivamente, na comparação com outubro de 2017. Cabe notar que ambos haviam registrado retração em setembro. Fonte: PMC/IBGE elaboração Codeplan Nota-se que a média do índice de volume do comércio varejista ampliado observada […]

Leia mais