Em novembro de 2018, a Pesquisa de Emprego e Desemprego-PED/DF apontou elevação ínfima da taxa de desemprego para 18,5% frente a 18,4% registrado em outubro. Foi responsável pelo resultado a redução da população inativa em três mil.  Vale ressaltar que na série com ajuste sazonal a taxa de desemprego também apresentou leve alta, ao passar de 18,9% em outubro para 19,0% em novembro.

A População em Idade Ativa (PIA) registrou crescimento absoluto de cinco mil pessoas e a População Inativa diminuiu três mil. Esta combinação pressionou a alta da taxa de desemprego, uma vez que houve também aumento no número de ocupados. Esse movimento explica o incremento na taxa de participação de 66,1% em outubro para 66,3% em novembro.

Do estoque de 1.370 mil pessoas ocupadas no Distrito Federal em novembro de 2018, 977 mil eram assalariadas (alta de sete mil frente a outubro). Destas, 681 mil estavam ocupadas no setor privado, sendo 571 mil trabalhadores com carteira assinada – o que representa aumento de 13 mil empregos formais no DF em relação ao mês anterior. O setor público diminuiu seu contingente em quatro mil assalariados, enquanto o setor privado sem carteira registrou também queda de mil pessoas. O rendimento médio real dos ocupados em outubro mostra leve alta em relação a setembro.

Em relação a novembro de 2017, o mercado de trabalho apresenta discreta piora, com taxa de desemprego 0,1 pp maior, advinda de maior uma taxa de participação concomitante a maior nível de ocupação. Na mesma base de comparação, o único contingente de ocupados que teve redução foi o de empregados domésticos, comprovando que a piora da taxa de desemprego se deveu ao aumento da força de trabalho no mercado de trabalho, isto é, aumento da demanda maior do que o da oferta no mês de novembro de 2018.

Tabela  – Indicadores do mercado de trabalho – Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) – Distrito Federal – novembro 2018

Fonte: PED-DF – Convênio Seatrab-GDF, Codeplan, Seade-SP e Dieese

Para baixar o informe econômico, clique aqui

Para acessar a publicação da PED-DF clique aqui