Em maio de 2019, a Pesquisa de Emprego e Desemprego-PED/DF registrou queda da taxa de desemprego para 19,4% ante 19,9% em abril. Quando ajustada sazonalmente, a taxa de desemprego ficou em 18,6% da população economicamente ativa, essa é a menor taxa nessa série desde setembro de 2018 quando foi registrado uma taxa de desemprego de 18,5%, quando retirados os efeitos sazonais.

Fonte: PED-DF – Convênio Seatrab-GDF, Codeplan, Seade-SP e Dieese. Para a série com ajuste foi utilizado X13ARIMA.

Em números absolutos o aumento do número de ocupados foi de 16 mil quando comparado com o mês anterior, e o número de desempregados apresentou redução para 331 mil. Os únicos setores a apresentarem redução no total de ocupados foram: Setor público (-6 mil) e Empregados domésticos (-3 mil).

O rendimento médio real dos ocupados em abril de 2019 mostrou uma pequena variação positiva de 0,1% em relação a março. Porém na comparação com abril de 2018 a variação foi negativa, com queda de 5,3% no rendimento real. Esta queda pode ter como explicação a redução no total de ocupados do setor público no período, visto que este é o setor que apresenta o maior rendimento médio.

Fonte: PED-DF – Convênio Seatrab-GDF, Codeplan, Seade-SP e Dieese. Para a série com ajuste foi utilizado X13ARIMA.